Carreiras

O mundo do trabalho

 

Domingo (14/3), no Empregos&Carreiras



“Netburning”

“Networking” inadequado pela internet põe carreiras em risco. Veja por que fofocar no corredor é mais seguro do que em redes sociais. Confira dicas de como evitar ter o perfil queimado e descubra como as empresas mapeiam seus colaboradores

Sua carreira
Após a crise, mercado de trabalho para auditores internos está aquecido e recebe profissionais de outras áreas

Livros
Professores da Fundação Dom Cabral explicam como a liderança baseada em valores constrói organizações sustentáveis

Escrito por Equipe do blog Carreiras às 23h31

Comentários () | Enviar por e- mail | PermalinkPermalink #

Otimismo nas contratações

O Brasil é o segundo país mais otimista em relação a contratações de funcionários no segundo trimestre deste ano, indica uma pesquisa da consultoria Manpower com 61 mil empresas em 36 países e territórios. No ranking, perdemos apenas para a Índia.

A expectativa líquida de emprego --diferença entre a porcentagem dos participantes que preveem aumento nas contratações e a dos que pressupõem diminuição nas contratações de funcionários no seu local de trabalho no próximo trimestre-- no Brasil é de 38%. Pelo levantamento, 43% dos empregadores dizem acreditar que aumentarão sua força de trabalho e 5% preveem redução de mão de obra. Na Índia, a expectativa líquida de emprego é de 39%.

De acordo com o estudo, os empregadores do setores de finanças/seguros e imobiliário são os mais otimistas quanto ao aumento de postos de trabalho no Brasil, com uma expectativa líquida de emprego de 49%. São seguidos pelos de administração pública/educação (48%) e construção (45%).

Escrito por Raquel Bocato às 11h30

Comentários () | Enviar por e- mail | PermalinkPermalink #

Jornada dupla

Apesar de ocuparem cada vez mais postos no mercado de trabalho, 86% são as responsáveis pelo trabalho doméstico. Entre os homens, o percentual cai para 45%, segundo uma análise do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), feita com dados de 2008 do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Elas dedicam 24 horas por semana aos afazeres domésticos; eles, 9,7 horas.

O estudo sugere que, entre os efeitos dessa menor disponibilidade, estão a menor disponibilidade delas "às jornadas de trabalho que exijam mais tempo" e a ocupação de 42% delas em posições precárias (enquanto eles totalizam 26%).

Os dados e as conclusões podem ser encontrados na íntegra no site do Ipea.

Escrito por Raquel Bocato às 18h39

Comentários () | Enviar por e- mail | PermalinkPermalink #

Ver mensagens anteriores

PERFIL

Blog Carreiras O blog Carreiras é uma extensão da cobertura publicada semanalmente no caderno Empregos&Carreiras. É produzido pelos jornalistas Bruna Borges, Cássio Aoqui, Jordana Viotto, Marcos de Vasconcellos e Raquel Bocato.
RSS

BUSCA NO BLOG


ARQUIVO


Ver mensagens anteriores
 

Copyright Folha.com. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha.com.