Carreiras

O mundo do trabalho

 

Contratações crescem 73% no primeiro trimestre do ano

O número de contratações cresceu 73% no Brasil no primeiro trismestre deste ano, em comparação com o mesmo período de 2010, aponta pesquisa feita pela Michael Page, consultoria de recrutamento de executivos, com profissionais de nível médio e gerencial. Entre as áreas que mais oferecem postos de trabalho no Estado de São Paulo estão a de finanças, vendas, tecnologia, construção civil, engenharia e marketing, com salários que variam de R$ 8.000 a R$ 15.086.

Em 2010, a empresa fez a intermediação de cerca de 8.000 profissionais.

De acordo com Marcelo de Lucca, diretor-executivo da consultoria, o índice é resultado do crescimento da economia nacional -- mesmo diante de um cenário de inflação mais alta -- e deve crescer ainda mais no segundo trimestre do ano.

Trabalho temporário

As oportunidades de trabalho temporário no Brasil também seguem em ascensão. Pesquisa "The Agency Work Industry Around the Word" (a indústria de agências de emprego ao redor do mundo, em tradução livre) realizada pela Ciett (Confederação Internacional das Empresas de Trabalho Temporário)  mostra que o Brasil ocupa o quinto lugar no ranking mundial de países que mais empregam trabalhadores temporários -- com 902 mil contratos de trabalho por dia.

O país está atrás dos Estados Unidos (com 2,01 milhões de contratos), Japão (com 1,1 milhão), Reino Unido (com 1,07 milhão) e África do Sul (924,5 mil).  "A realização da Copa do Mundo na África do Sul foi a principal responsável pela ascensão do país no ranking mundial. E essa é a nossa expectativa para o Brasil daqui para frente”, explica Vander Morales, presidente do Sindeprestem (Sindicato das Empresas de Prestação de Serviços Terceirizáveis e de Trabalho Temporário do Estado de São Paulo).

Escrito por Patrícia Basilio às 14h43

Comentários () | Enviar por e- mail | PermalinkPermalink #

Bolsa nos EUA para profissionais em meio de carreira

Profissionais do setor público e do terceiro setor em meio de carreira podem se inscrever para concorrer a bolsas do programa de estudos e experiência profissional nos EUA Hubert H. Humphrey, da Comissão Fulbright Brasil (comissão para intercâmbio educacional entre Brasil e Estados Unidos).

A comissão está procurando pessoas com, no mínimo, cinco anos de atuação no mercado de trabalho depois de formadas no ensino superior e com atuação em alguma das seguintes áreas: 
- desenvolvimento e economia agrícola;
- direito (com foco em direitos humanos);
- drogas (educação, prevenção e tratamento);
- manejo de recursos naturais e meio ambiente;
- planejamento urbano e regional (com foco em habitação popular);
- políticas e administração de saúde pública;
- política e administração de tecnologia (com foco em inovação);
- políticas e planejamento educacional (democratização, acesso e equidade do ensino superior);
- tráfico de pessoas (políticas de prevenção).

O programa tem duração de dez meses e oferece bolsa mensal de US$ 1.700 a US$ 2.500 (de R$ 2.754 a R$ 4.050), de acordo com a localidade; auxílio-instalação de US$ 800 (R$ 1.296); subsídio para compra de computador de US$ 500 (R$ 810); auxílio para livros de US$ 750 (R$ 1.215); auxílio para desenvolvimento profissional de US$ 1.900 a US$ 2.400 (de R$ 3.078 a R$ 3.888), de acordo com a localidade; auxílio para viagem internacional de ida ao EUA de US$ 200 (R$ 324); auxílio para viagem de retorno ao Brasil de US$ 400 (R$ 648); passagem de ida e volta; seguro saúde e anuidade e taxas escolares.

Interessados podem obter mais informações e fazer inscrição, até 30/6, no site da instituição.

Escrito por Marcos de Vasconcellos às 21h02

Comentários () | Enviar por e- mail | PermalinkPermalink #

240 vagas de estágio

Empresa: Embraco
Vagas: 100
Pré-requisito: ser estudante de ciências exatas ou humanas, dos níveis técnico ou superior
Bolsa-auxílio: de R$ 769,79 a R$ 1.529,39, dependendo do curso e da carga horária
Benefícios: plano de saúde, auxílio-medicamento e alimentação no refeitório da empresa
Inscrições: de 16/5 a 10/6 em www.embraco.com.br

 

Empresa: Vale Fertilizantes
Vagas: 140
Pré-requisitos: ser estudante de cursos como administração, ciências contábeis, direito, engenharia ou psicologia, com conclusão prevista entre julho de 2012 e julho de 2013. Há vagas para alunos de ensino técnico em áreas como inspeção de equipamentos, elétrica e segurança do trabalho, com formatura prevista para julho de 2012
Bolsa-auxílio: entre R$ 700 e 1.100, dependendo do nível de ensino (técnico ou superior)
Benefícios: alimentação e assistência médica
Inscrições: de 10/5 a 26/5 em www.valefertilizantes.com

Escrito por Raquel Bocato às 20h42

Comentários () | Enviar por e- mail | PermalinkPermalink #

Escolas de negócio brasileiras entre as melhores do mundo

Quatro escolas de negócios brasileiras estão entre as que oferecem a melhor educação executiva do mundo, segundo ranking do jornal inglês "Financial Times", divulgado hoje (9/5).

Na lista de cursos abertos -- nos quais podem participar profissionais de diversas empresas -- estão Fundação Dom Cabral (10º lugar), FIA (Fundação Instituto de Administração; 25º lugar), Insper (30ë lugar) e Saint Paul Escola de Negócios (58º lugar).

A publicação também elabora o ranking dos cursos de educação executiva fechados -- criados sob demanda das empresas para seus funcionários. Nela, a Fundação Dom Cabral figura na 3ª posição, à frente de Harvard Business School, nos Estados Unidos, e Insead, na França.

Nessa lista também aparecem Insper (24ª posição) e FIA (39ª posição).

A lista completa está disponível no site do "Financial Times".

Escrito por Raquel Bocato às 17h33

Comentários () | Enviar por e- mail | PermalinkPermalink #

Ver mensagens anteriores

PERFIL

Blog Carreiras O blog Carreiras é uma extensão da cobertura publicada semanalmente no caderno Empregos&Carreiras. É produzido pelos jornalistas Bruna Borges, Cássio Aoqui, Jordana Viotto, Marcos de Vasconcellos e Raquel Bocato.
RSS

BUSCA NO BLOG


ARQUIVO


Ver mensagens anteriores
 

Copyright Folha.com. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha.com.